27 de novembro de 2012

A manhã acordou fria. Se normalmente custa sair da cama, hoje foi mais difícil ainda. E que o diga D. Bárbara que todos os dias pede por mais um pouco de cama, hoje foi mesmo difícil arrancá-la de lá. E o que me custa tirá-la da cama. Está tão quentinha! Fico encantada ao vê-la dormir, tão serena, tão angelical. É uma boa dose de inspiração para começar  bem o dia e de sorriso no rosto.
O Sr. Marido acorda todos os dias com o cantar do galo. E sai sempre cedo de casa, diz que é pela fresca que melhor trabalha e aproveita para escapar ao trânsito. 
Quando ela acorda já não o vê, e pergunta sempre por ele e pede para brincar com ele e que ele lhe dê a papa. À noite fica ansiosa que ele chegue para matar as saudades.
Pelo fim da tarde, aquela corrida na minha direcção e aquele abraço apertado quando a vou buscar à creche valem tudo para mim. É um dos nossos momentos.


3 comentários:

  1. Posso saber porque é que ainda não te inscreveste como participante na árvore de natal da blogosfera? Só tens até dia 30! :)
    http://arvore-natal-blogosfera.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Não sou mãe, mas acredito que sejam momentos verdadeiramente maravilhosos!

    ResponderEliminar
  3. Estou ansiosa por receber um abraço desses da minha M!!!

    ResponderEliminar

Agradeço o teu comentário e a visita! Espero ver-te por cá mais vezes ;)